Home care: o que é, como funciona e quem tem direito. Aprenda! [2021]

Home care: o que é, como funciona e quem tem direito. Aprenda! [2021]

17 de maio de 2021 direito contratual,direito médico

Você provavelmente já deve ter ouvido falar da expressão home care, principalmente se algum parente próximo estiver necessitando do serviço. Esse serviço é mais complexo do que imaginamos e infelizmente a maioria dos planos de saúde nega sua cobertura. Mas afinal, você sabe o que é home care, como funciona e quem tem direito?

 

Nesse pequeno texto eu irei responder as principais dúvidas sobre o tema e lhe orientar a como conseguir esse atendimento para o seu parente, mesmo que o plano negue sua cobertura! Então mantenha o foco e preste atenção no que vou lhe ensinar!

 

O que é home care?

 

Home care é o serviço médico prestado em caráter domiciliar a alguma pessoa enferma que necessite de cuidados adicionais. É o acompanhamento e tratamento médico fornecido na casa da pessoa que está doente. Imagine que um cômodo de sua residência se transforme em um leito de hospital: Esse é o home care.

 

No home care, os serviços médicos que seriam desenvolvidos no próprio local do hospital, tais como aplicação de medicamentos, evolução do paciente, etc, são transferidos para a casa do paciente.

 

O que significa home care? Tradução de home care.

 

Traduzindo de uma forma literal para o português, o termo home care significa cuidado domiciliar. No Brasil, ele é utilizado para definir um serviço médico prestado na casa do paciente. Isso significa que todo o tratamento será realizado na residência da pessoa doente.

 

Home care: como funciona?

 

O serviço de home care funciona da seguinte forma: O médico responsável pelo acompanhamento do paciente emite um parecer dizendo que a pessoa pode ter alta do hospital, porém, necessita de continuidade no tratamento em sua própria residência.

 

O documento é enviado ao plano de saúde e avaliado por uma equipe técnica. Se o plano autorizar, a unidade hospitalar irá providenciar a transferência do paciente para a sua casa. Agora se o plano de saúde negar cobertura, os parentes deverão ingressar com uma ação, através de um advogado especializado em plano de saúde.

 

Se você tem dúvidas sobre o que fazer quando o plano de saúde nega cobertura, você pode baixar nosso e-Book gratuito e aprender a como resolver a situação e saber quais são seus direitos!

 

Depois que estiver tudo certo, o hospital irá transferir o paciente para sua casa. Geralmente o plano de saúde fornecerá todo o material necessário para o doente, entretanto, fique atento, pois alguns planos negam o fornecimento de alguns equipamentos.

 

Já em casa, o doente será acompanhado por um técnico de enfermagem ou enfermeiro, dependendo do que for recomendado pelo médico. De costume, esses profissionais fazem escala de 12 horas de trabalho, revezando entre si. O ideal é tentar sempre manter as mesmas pessoas acompanhando o paciente, porém, nem sempre é possível, pois a rotatividade desses profissionais é alta.

 

O paciente também é acompanhado por um médico, que irá visitá-lo com uma certa frequência, dependendo do seu estado de saúde. O serviço acaba quando o paciente recebe alta do médico ou, infelizmente, quando falecer.

 

Como obter o serviço de home care?

 

O serviço de home care pode ser obtido através de um pedido realizado pelo próprio médico do paciente. O médico emitirá um parecer contendo todas as informações que justifiquem a continuidade do tratamento na casa do enfermo.

 

É indispensável que exista um relatório médico para que você obtenha o serviço, por isso, mantenha sempre contato com o médico responsável pelo paciente. Se o plano de saúde negar a cobertura, você terá que contratar um advogado especialista em planos de saúde para obter o serviço.

 

Quem tem direito ao home care?

 

Qualquer pessoa tem direito ao home care, porém, deve existir um relatório médico dizendo que essa pessoa deve continuar seu tratamento em casa. Sem esse documento médico, ninguém conseguirá o tratamento domiciliar.

 

Quais doenças têm direito a home care?

 

Não existe uma lista específica de doenças. Várias doenças podem dar direito ao home care. As principais são: Alzheimer, AVC, ELA e outras enfermidades que tornam o paciente dependente de cuidados médicos diários. O que irá determinar se o paciente precisa de cuidado domiciliar ou não é o relatório médico. 

 

Quanto custa um home care 24 horas?

 

Geralmente não dá para saber ao certo quanto custa um home care, porém, o preço pode variar entre R$ 7.000,00 (sete mil reais) a R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais). O valor vai depender de algumas condições, tais como medicamentos fornecidos, aparelhos, disponibilidade de médicos e enfermeiros, etc.

 

Advogado para conseguir home care.

 

Se você teve o pedido de home care negado pelo plano de saúde, o recomendável é contratar um advogado especialista na área. Então não perca tempo! Entre em contato agora mesmo com o Dr. Rafael Paranaguá e agende um horário. Não esqueça de curtir nossa página do Facebook e curtir o Instagram do site.


Falar pelo WhatsApp








Deixe um comentário