Advogado de Defesa: qual a importância desse profissional?

Advogado de Defesa: qual a importância desse profissional?

27 de novembro de 2019 direito criminal

Um dos indivíduos mais destacados em filmes, novelas e séries é o advogado de defesa. Sua atuação em audiências, tribunais e demais fases processuais revela a notável presença que esse profissional tem no Poder Judiciário.

 

Você sabe o que é um advogado de defesa? Como ele atua? Qual sua importância para o Direito Criminal e para a liberdade do cliente? Continue lendo para entender um pouco sobre a profissão e relevância desse advogado.

 

O que é um advogado de defesa?

 

O termo “advogado de defesa” é popularmente utilizado para designar o profissional que atua na área do Direito Penal. Ele é o patrono que realizará a defesa criminal do seu cliente, ou seja, é o responsável em contra-argumentar as acusações do Ministério Público.

 

Imagine um senhor que é acusado de cometer um furto dentro de um shopping. Ele será preso e no dia seguinte terá uma audiência de custódia. Essa audiência é o primeiro ato que o advogado deverá comparecer, pois é neste momento que ele tentará libertar seu cliente.

 

Nesse sentido, o advogado de defesa é um patrono que combaterá as imputações penais traçadas pelo Ministério Público em desfavor do acusado. Durante todas as fases do Processo Penal esse advogado demonstrará a inocência do réu, pleiteando a soltura do seu cliente.

 

Como ele deve atuar?

 

Um bom defensor deve sempre estar atento às recentes decisões atuais dos tribunais. Além disso, esse profissional deve ficar alerta vinte e quatro horas, ou seja, trabalhar em regime de plantão. Isso é necessário, pois assim ele atenderá seus clientes em qualquer horário do dia, lutando para colocá-los em liberdade.

 

Na maioria das vezes quem entra em contato com o advogado de defesa é a família do cliente. Nesse momento os familiares devem estar calmos e explicar de forma detalhada o que ocorreu. Após todas as explicações, o profissional irá ao estabelecimento penal (delegacia, cadeia, etc) no qual o acusado está preso.

 

Chegando ao local, o defensor irá conversar coms as autoridades que realizaram a prisão do cliente para obter informações adicionais. Posteriormente, o advogado acompanhará o depoimento do seu cliente na própria delegacia. Esse é um dos momentos mais importantes para o acusado, afinal, essas serão suas primeiras palavras de defesa no processo.

 

A depender do caso, o advogado de defesa requererá ao delegado que seja estipulada uma fiança para a soltura do seu cliente. Não sendo solto, o cliente terá que aguardar a realização da audiência de custódia. Mais uma vez, essa audiência também é um dos atos mais importantes para a liberdade do réu, pois ele poderá responder a acusação em liberdade. Não sendo solto, o procedimento prosseguirá e o advogado de defesa deverá usar outros meios para colocar seu cliente em liberdade.

 

Importante destacar também que as falas de um advogado de defesa em um julgamento, audiência ou depoimento devem possuir um padrão culto de linguagem e termos técnicos precisos. Esse tipo de dialeto processual irá atrair a atenção dos julgadores, contribuindo para um convencimento mais concreto, podendo facilitar na liberdade do acusado.

 

Estamos falando como um advogado de defesa atua por padrão, porém, dependendo da sua cidade e dos procedimentos adotados, os acontecimentos supracitados podem variar. Caso necessite de um advogado criminalista no DF e região é só entrar em contato pelos telefones do blog.

 

Qual a importância do defensor para a liberdade do cliente?

 

Como dito anteriormente, irão existir vários momentos processuais em que o advogado de defesa terá a chance de libertar o seu cliente. Nesse sentido, esse profissional deverá aproveitar todas essas oportunidades para argumentar a favor do acusado e tentar sua soltura.

 

Muitas vezes esse advogado de defesa não conseguirá soltar o seu cliente de forma imediata, porém, isso não impede que ele ingresse com alguma medida visando a liberdade do acusado. Essa é a importância que o defensor possui, pois mesmo que ele não consiga soltar o cliente de forma instantânea, trabalhará com outros meios processuais até conseguir que seu cliente seja libertado.

 

A liberdade é algo importante, mas não podemos esquecer também da inocência do acusado. O advogado trabalhará para prová-la, utilizando vários argumentos fáticos/jurídicos para tanto. Nesse diapasão, o defensor é importante tanto para conseguir a liberdade do réu quanto para torná-lo inocente.

 

Existe um advogado de defesa gratuito?

 

Sim. Ele é chamado de defensor público. A Defensoria Pública é responsável por amparar as pessoas que não têm condições de pagar um advogado particular. Como todo serviço público, as defensorias possuem um enorme número de serviços (causas), o que atrapalha na qualidade da defesa. Exatamente por isso que muitas famílias preferem contratar um advogado de defesa particular.

 

Como contratar um advogado de defesa particular?

 

Para contratar um defensor particular você deve primeiramente ter um contato de um advogado de defesa. Durante a comunicação com o profissional, vocês irão ajustar os serviços e os valores cobrados, que serão inseridos posteriormente em um contrato advocatício. 

 

Na maioria dos casos não há tempo para a assinatura do contrato, pois a situação é urgente, podendo o defensor realizar esses serviços mediante o pagamento de uma entrada previamente ajustada.


Então, conseguimos esclarecer algumas dúvidas relacionadas ao advogado de defesa? Está interessado em contratar um profissional da área? Entre em contato conosco agora mesmo! Não esqueça de seguir nosso Instagram e curtir nossa página no Facebook!

Falar pelo WhatsApp

Deixe um comentário